Série Frutos do Espírito. Poder para ser Vitorioso 12º Estudo Gálatas 5:22e23

Uma vida produtiva

– Por que algumas pessoas são capazes de realizar tantas coisas na vida?

– O que as torna tão produtivas?

– Imagine se você tivesse que apresentar um relatório de produtividade todo mês.

– O que você gostaria de fazer para que, no fim da vida pudesse dizer: tive uma vida produtiva!

– Você já definiu o que considera uma vida produtiva?

– Você conhece a definição divina de uma vida produtiva, fecunda?

– O que significa ser um cristão fecundo?

 

– A palavra fruto é usada mais de 40 vezes no NT:

– fruto natural

– fruto biológico

– fruto espiritual

– Deus quer ver o fruto espiritual em nossa vida.

– Ler Jo 15:8 – Essa é a definição dele de uma vida produtiva.

– Ler Jo 15:16 – A prova de que você é um discípulo é que dá fruto.

– Deus quer que sejamos produtivos

 

Condições apresentadas na Bíblia:

 

1º Cultive as raízes

 

– Se quiser ser fecundo, cultive as raízes.

– Ler Jeremias 17:7,8 –  É preciso ter boas raízes par dar fruto.

– Se não tiver raízes, você não dará frutos.

– Por que devemos ter raízes? Para suportar as intempéries: o calor e a seca.

– As raízes são fontes vitais de nutrição.

– Você já sentiu o calor dos momentos de estresse?

 

* Exemplos:

– As sequóias Norte da Califórnia. Suportam os piores incêndios nas florestas e cortes de até um metro em seu caule.

– Os carvalhos as raízes alinhadas somam diversas centenas de quilômetros.

Por isso são tão estáveis

– A bananeira é quase indestrutível. A única maneira de acabar com ela é arrancar suas raízes.

– Ler Prov. 12:3 – O homem justo pode enfrentar o calor, um período de seca.

– Na seca os recursos são limitados. Às vezes temos que ficar sem as coisas das quais normalmente dependemos.

– Qual é o seu momento de seca?

– Falta de apoio emocional, faltam de amigos, saúde, dinheiro…

– Os contastes fascinam:

* Exemplo: vida no deserto. O cactus saguaro dá frutos até sob 130ºC. Por que suas raízes se estendem por 1500 a 1800 metros em todas as direções.

– Qualquer um pode sobreviver a um dia de seca, mas a um período longo só quem tem raízes.

– Como cultivar as raízes?  Ler Salmo 1:2,3 – Lendo e meditando na Palavra.

– Ler Col 2:6,7 – Arraigados e edificados em Cristo com abundância de ações de Graças.

– Gaste tempo lendo diariamente a palavra de Deus, assim você desenvolve fortes raízes espirituais.

 

2º Elimine as ervas daninhas

 

– Ler Lucas 8:11-14 – A parábola do semeador

– Ervas daninhas: preocupações, riquezas, prazeres desta vida…

– Quais são as ervas daninhas na sua vida? Elas podem sufocar a sua vitalidade espiritual.

– Podem sugar seu tempo, seu dinheiro, sua energia e não deixá-lo produzir o fruto espiritual.

– As pessoas dizem que não tem tempo para servir ao Senhor. Precisam arrancar as ervas daninhas de sua vida.

– Muitas coisas na vida não são necessariamente más; são apenas desnecessárias.

– Se você coloca muito feno sobre o fogo poderá apagá-lo.

– Jesus menciona três tipos de ervas daninhas:

– Das preocupações diárias que exigem nossa atenção.

– Da riqueza. O trabalho domina tanto a sua vida que você não tem tempo para o Senhor.

– O prazer. Até as atividades agradáveis podem se tornar ervas daninhas. *Recreação em primeiro lugar, quando se torna mais importante que a Bíblia significa que suas prioridades estão desequilibradas.

– Pense: Quanto esforço é necessário para cultivar ervas daninhas?

– A erva daninha é sinal de negligência.

– Quando negligenciamos a leitura da Bíblia, a oração e a comunhão com outros cristãos, elas crescem e abafam nossa vida espiritual.

– Elas nos impedem de produzir.

 

3º Coopere com Deus

 

– Para ser um cristão fecundo é preciso cooperar com Deus na poda da minha vida.

– Ler Jo 15:1,2 – Podar significa cortar os galhos mortos e aparar os vivos para dar vida e estimular seu crescimento.

* Exemplo: O trabalho do jardineiro.

– A maioria das pessoas pensa que quando Deus poda, corta o pecado e as superficialidades, as coisas mortas em nossa vida.

– Ele faz isso, mas às vezes corta partes vivas e produtivas também.

– Um negócio próspero, um relacionamento agradável, uma boa saúde.

– Algumas coisas devem ser derrubadas para darmos mais frutos.

– Não apenas os galhos mortos, mas com freqüência Deus corta coisas boas para torná-las mais sadias.

– Ler Jo 15:8 – Isso exige poda.

– Lembre-se: as ferramentas estão nas mãos de nosso Deus amoroso.

– Ele sabe o que está fazendo, e quer para nós o melhor.

– Se você é cristão será podado. Conte com isso.

– Talvez esteja passando por uma poda agora mesmo.

*Exemplo: A conversa com plantas. É isso que fazemos com relação à poda de Deus.

 

– Como Deus nos poda? Ele usa problemas, pressões e pessoas.

– as pessoas vão criticá-lo desafiá-lo, questioná-lo e duvidar de você e desafiar suas motivações.

– Deus pode usar tudo, cada situação da vida para ajudá-lo a crescer, basta apenas assumir a atitude correta.

– Por que Deus faz isso?

– Ler Hebreus 12:11 – Assim como a disciplina, a poda é desagradável e nunca é bonita.

– O propósito da poda é positivo. Deus não está zangado com você.

– Ler Rm 8:1.Deus não pune seus verdadeiros filhos. O castigo foi executado na cruz.

– A poda é para seu bem , para que você frutifique mais.

– A poda de Deus pode falhar?

– Se não cooperarmos, se resistirmos, se nos rebelarmos, nos queixarmos ou ficarmos ressentidos, nosso caráter não se desenvolverá da maneira como Deus pretendia.

– A maneira de você expressar a cooperação com Deus é louvá-lo em todas as circunstâncias. Ler I Ts 5:18.

 

4º Aguarde a colheita

 

– Se eu quiser que minha vida seja frutífera, devo cultivar boas raízes, eliminar as ervas daninhas e cooperar com a poda de Deus agradecendo e louvando, mas também devo aguardar a colheita.

– Crescimento leva tempo, não é instantâneo.

– Deus leva dois dias para criar um cogumelo, mas leva sessenta anos para fazer um carvalho. Você quer ser um carvalho ou um cogumelo?

– Ler Jo 12:24 – Jesus fala de sua morte, mas o princípio aplica-se a nós também.

– A morte precede a vida.

– Como o grão de trigo, precisamos morrer para nós mesmos para produzir frutos.

– João 15:4 – A palavra chave é permanecer.

– Permanecer em Cristo é manter contato com Ele.

– Nunca desista, espere a colheita prometida por Deus.

– Deus não está aguardando até que você seja perfeito para começar a amá-lo.

– Deus nunca o amará mais do que ama agora.

– Se você não está vendo em sua vida tanto fruto quanto gostaria de ver não se desespere.

– Lembre-se: o crescimento leva tempo.

 

– As quatro atividades esboçadas aqui são etapas práticas que você deve empregar se quiser pensar com seriedade sobre uma vida cristã produtiva, frutífera.

– Deus está operando para que você seja mais fecundo do que jamais pensou ser possível.

* Exemplo: Em 1968 – o exemplo do colar indígena de 600 anos. Potencial adormecido.

– Talvez você seja um cristão que esteve espiritualmente adormecido até hoje, mas agora quer ser produtivo.

– O potencial de vida está em você.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *