Santidade – Estudo Dirigido 13

ESTUDOS DIRIGIDOS 13                             

Oração (Cada membro da família deve fazer uma oração)

Cante uma canção

Texto: Filipenses 2.13 – (Leia todas as referências do Estudo em sua Bíblia)

Introdução

A santidade consiste, fundamentalmente e primariamente, de uma operação divina na alma pela qual a santa disposição nascida na regeneração é fortalecida e os santos exercícios são aumentados*.  É essencialmente uma obra de Deus, embora, na medida em que Deus emprega meios, o homem pode e espera-se que coopere, pelo uso adequado desses meios (1Ts 5.23; Hb 13.20,21; Jo 15.4; Ef 3.16; Cl 1.11).

Para Refletir

A santidade jamais deverá ser descrita como um processo natural de desenvolvimento espiritual do homem, nem tampouco ser rebaixada ao nível de uma simples realização humana. Alguém pode gabar-se de grandes mudanças morais, e, todavia, jamais ter experimentado da santidade na vida. A Bíblia não insiste no progresso moral puro e simples, mas o progresso moral em relação com Deus, em atenção a Deus e com vistas ao serviço de Deus. Ela insiste na santificação.

 Na Prática

  • Qual a diferença entre santificação e o melhoramento moral?
  • Segundo está escrito no Evangelho de João 17.17; 1Pe 1.22 e 1Pe 2.2, qual é o principal meio usado pelo Espírito Santo, na obra de santificação do crente?
  • “As providências de Deus, quer favoráveis ou adversas, muitas vezes são poderosos meios de santificação”. Em que sentido os textos: Salmo 119.71, Romanos 2.4 e Hebreus 12.10, corroboram com a afirmação acima?
  • Peça a Deus que lhe disponha o coração para desejar cada vez mais andar segundo é a verdade em Cristo, e, que lhe dê sensibilidade quando Ele, como o Pai amoroso que é, seja pela disciplina ou circunstâncias o guiar no caminho da santidade.

 

Oração Final

* Desejos plantados por Deus no coração da pessoa, quando do novo nascimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *