Pastoral – A respeito da imigração de muçulmanos para o Brasil

PASTORAL
A respeito da imigração de muçulmanos para o Brasil.
 
A despeito de seu contexto há um ditado que diz: “se Maomé não vai à montanha, a montanha vai a Maomé”.
Quero utilizar esse ditado para propor o olhar do Evangelho para essa situação.
São quase dois milhões de candidatos ao discipulado cristão.
Nós, como igreja, ao invés de ter medo devemos enxergar essa grande oportunidade de levar nossa “Rocha ou Montanha” ao mundo muçulmano.
São pessoas que estão fugindo da guerra e do radicalismo religioso.
Estão chegando com esperança de encontrar a paz.
Se o Brasil é do Senhor Jesus, o Rei da Paz, vamos apresenta-lo a esses imigrantes.
Evidentemente virão radicais entre eles, mas perder a vida por amor a Cristo não é novidade para o Cristão.
Oremos irmãos para que a Vale Verde seja instrumento de Deus na vida dessas pessoas.
 
Pr. Anderson de Alvarenga